Alerta sobre os impactos causados pelas chuvas na Praia de Itamambuca


Itamambuca, assim como boa parte de Ubatuba, encontra-se em um período muito complicado. A tromba d'água que atingiu a cidade semana passada foi a maior dos últimos 10 anos, segundo os institutos de meteorologia, ocasionando problemas de várias ordens. Os bairros urbanos tiveram diversos pontos de alagamento e Prumirim, Almada, Felix, entre outros, tiveram quedas de barreira e grandes pedras, além de falta de água e luz.

A continuidade das chuvas, de forma intensa, vem dificultando as ações de recuperação. A praia de Itamambuca recebeu uma enorme quantidade de árvores e galhos trazidos pelo mar e pelos rios. Por conta das constantes chuvas, o lençol freático continua a drenar na direção da praia, atingindo o jundu por trás, causando enormes estragos e diversas ruas tiveram seus acessos para a praia transformados.
 
A SAI informa que uma consultoria em engenharia ambiental já foi contactada para realização de um laudo das opções para a recuperação dos trechos da praia que foram danificados.

A retirada do lixo e galhos acumulados na praia vem sendo feita gradativamente, mas devido ao alto volume de material, a SAI solicitou o apoio da comunidade em forma de mutirão e da Prefeitura Municipal de Ubatuba para que se consiga um resultado mais rápido dada a proximidade da alta temporada.

Desta forma, é importante que todos estejam cientes de que esforços não estão sendo poupados para que suas férias em Itamambuca sejam as melhores possíveis e assim possam aproveitar a praia mesmo com as dificuldades recentes.

Alertamos também que o banho em certos trechos da praia poderá ocorrer com muitos troncos e galhos acumulados no fundo do mar. Lembramos ainda para terem atenção com o consumo de alimentos estocados em congeladores pois é possível que tenham estragado por conta dos grandes períodos sem luz que ocorreram nos últimos dias. 


 





htpp://www.transpiracao.com.br

© 2017 - SAI - Todos os direitos reservados